segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Que som é esse???

Não sou nenhum expert no slide, pra falar a verdade não me recordo muito bem de nomes, nem marcas das coisas, nem datas importantes mas espero contribuir com o que vou escrever a respeito desta técnica a qual sou apaixonado. Na época em que estudava música com mais freqüência não havia, ou pelo menos eu desconhecia, alguém que pudesse ensinar essa técnica. Portanto passei a utilizar a forma mais difícil de aprendizado: a tentativa e erro. Lógico que se demora dez vezes mais para adquirir alguma evolução. Na realidade faço isso até hoje: no momento estou estudando muito um cara chamado Eric Sardinas, pois ele mistura o country blues e o blues moderno com aquela pitada de rock, o que eu acho interessante. O que você vai ler aqui é muito básico mas ao mesmo tempo é muito importante, logicamente tentarei postar mais sobre as técnicas no slide (assim que eu aprenda também rsrsrs)

Que som é esse?

Slide
O slide ou o bottleneck é um método ou uma técnica particular para tocar a guitarra e obter um som característico (lógico rsrsrs). O nome ou termo se refere ao movimento deslizante do slide de encontro às cordas. Quanto ao tipo de material do slide, existem varias opções sendo que o mais comum e tradicional são as gargalos dos frascos de vidro (por experiência os melhores são as de garrafas de vinho). O termo “guitarra bottleneck” deriva-se deste.

Dentre outros materiais que são utilizados na confecção do slide temos o cobre, o aço e a cerâmica vitrificada. Logicamente existem outras formas de se conseguir o som do slide com outros objetos como um canivete ou uma faca, um copo de cachaça, uma barra de aço qualquer e até com um isqueiro.

Na realidade não podemos esquecer que esta técnica foi criada por pessoas que não tinham instrumentos bons e geralmente não tinham muito estudo sobre eles.

O instrumento
Os instrumentos mais populares utilizados para a prática do slide blues, sem dúvida, são os violões comuns com cordas de aço (flat tops), depois os resonators (single-cone, tri-cone). Existem também os instrumentos menos comuns para o blues como o Weissenborn (Ben Harper) e logicamente, a guitarra. Hoje em dia existem até guitarras reso (guitarra com cone de resonator) como as utilizadas por Eric Sardinas por exemplo. Na realidade não há regras para o instrumento, apenas algumas manhas para facilitar a vida de quem está tocando.

Algumas dicas
Já que estou falando do instrumento, posso escrever aqui o que facilita a minha vida, isso não quer dizer que funcione pra você, pois cada um de nós regula o instrumento conforme a sua comodidade. De qualquer maneira vamos lá:


1- Altura das cordas: Eu acho importante o instrumento estar com as cordas altas para evitar o contato do slide com o traste e também para facilitar a técnica do abafar cordas.

2- Espessura das cordas: Realizei um monte de testes com vários jogos de cordas e várias afinações e logicamente um jogo de cordas de calibre generoso (0.13 por ex) soa melhor que um jogo de cordas fininho (0.09 foi o menor que utilizei). Na verdade eu sempre toquei guitarra e violão com cordas de pedreiro e o que estou fazendo no momento é utilizar um jogo de cordas 0.11, sendo que utilizo duas cordas Si e guardo a Mizinha que sobrou, ai fico com 0.49/0.38/0.28/0.18/0.14/0.14.

3- Afinações: Existem várias afinações: entre elas está a padrão para se trabalhar o slide. O que mais utilizo sem dúvida é a afinação open G => D G D G B D e a open D => D A D F# A D.

Existem outras afinações que ainda estou experimentando, mas, basicamente com essas duas aí a gente já consegue muito cabelo branco.

Agora que temos tudo ajustado, ou quase, resta executar o slide em si, a primeira vista vai parecer extremamente difícil, sem controle, o som não vai aparecer como se imagina, porém, isso não é motivo para desespero, lembre-se que ninguém nasce sabendo muito menos o slide. O negócio é ter paciência.

Antes de tudo imagino aqui que a pessoa que está lendo gosta de algum "slideiro" seja ele das antigas como o Son House; seja country blues como Big Bill Broonzy (muito difícil) ou contemporâneos como Warren Haynes, Eric Sardinas, Ron Hacker etc.


Mão esquerda (mão boba)
O mais importante no começo é você "limpar a mão", quero dizer que você tem que tocar exatamente a nota que lhe interessa. Para isso você pode abafar as cordas indesejadas com um dedo atrás do slide e também com parte de sua mão direita. O slide deve ser posicionado primeiramente na vertical, evitando a inclinação deste, pois no começo é importante você ter o controle da precisão da nota. Ouça muito seus cantores e conjuntos preferidos, isso vai ajudar a criar uma biblioteca de links e frases.

Não coloque barreiras no que você toca, às vezes se tem um som na cabeça e na hora de aplicar sai um outro, preste bem a atenção no que nesse som, pode ser útil mais tarde. Nunca se pode perder a essência da música, da criação, saber executar uma determinada canção é importante porém ser um escravo da técnica é um desperdício, senão você vai apenas se tornar um robô musical (compra um ipod pô).

Toque, toque, toque, toque até que alguém reclame "só sabe toca isso pô?", quanto mais familiarizado com o som do slide você tiver, mais fácil conseguira tocar aquele som que tanto gosta.

Não se preocupe com as “trocentas” notas por segundo que determinado artista esta fazendo, se preocupe primeiro com o que ele esta fazendo, entenda o que ele diz pra que você possa fazer no futuro. Lembre-se: velocidade é questão de treino, portanto você sabe como adquiri-la, já aquele vibrato com o slide ou um bend atrás do slide é muito mais difícil.


Mão direita (mão que escreve)
Pois é, aqui é que começa a estrada de chão, na minha opinião é essa a mão mais importante, é ela que vai botar o grove. O ideal de um slide guitar é fazer a base e o solo ao mesmo tempo, ai pergunto: como?

Se você prestar atenção nas gravações antigas, verá que os músicos de slide utilizam muito o dedilhado, fazendo soar apenas as notas que são necessárias. O ideal na verdade é conquistar uma independência dos seus dedos (muito difícil) para ai sim você conseguir fazer a base e dedilhar ao mesmo tempo, mais uma vez eu digo que quanto mais você praticar mais rápido conseguirá essa independência.

Alguns Artistas como referência:

The Allman Brother Band - Live At The Fillmore East

Ry Cooder - Boomers Story

Eric Sardinas - Black Pearls

Eric Sardinas - Treat Me Right (prefiro este)

The Allman Brothers Band - Hittin' The Note

Derek Trucks - Derek Trucks

Fleetwood Mac - Peter Green's Fleetwood Mac

Johnny Winter - Second Winter

Derek And The Dominos - Layla And Other Assorted Love Songs

Muddy Waters - His Best 1947 To 1955

Elmore James - The Sky Is Crying: The History Of Elmore James

Son House - The Original Delta Blues

Robert Johnson - The Complete Recordings

Charlie Patton - The Best Of

Irish Tour - Rory Gallagher

Assim que puder tentarei publicar mais sobre o slide. Valeu.

8 comentários:

Roberto Terremoto BluesMan disse...

Grande Marceleza,

Este Blog´é muito bom.

Paz e Blues,
Terremoto

Larissa disse...

Ae Marcelo!!!
Show de bola o Blog!!!

Beijão da Larissa

Marcus Mikhail disse...

PÔ Marceleza ! Só indicou disco ruim...kkkk

Nessa lista incluo tbm tudo do Blind Willie Johnson, outro fera!

gde abraço

Marcus Mikhail
www.bluesmasters.blogspot.com

Marcus Mikhail disse...

PÔ Marceleza ! Só indicou disco ruim...kkkk

Nessa lista incluo tbm tudo do Blind Willie Johnson, outro fera!

gde abraço

Marcus Mikhail
www.bluesmasters.blogspot.com

André disse...

Muito bom o blog! Meus parabéns! A produção sobre slide em português é muito limitada atualmente.

Cifra Certa disse...

Cara...sensacional sua explanação sobre o slide....eu estou estudando e muito legal descobrir as coisas e começar a tirar alguns sons interessantes...estou estudando especificamente slide com a afinação padrão....vide caras como Jeff Beck e Eric Johnson que toca muito slide e com afinação padrão.....abração e parabéns pelo Blog. Rogério

sexy disse...

情趣用品,情趣用品,情趣用品,情趣用品,情趣用品,情趣用品,情趣,情趣,情趣,情趣,情趣,情趣,情趣用品,情趣用品,情趣,情趣,A片,A片,情色,A片,A片,情色,A片,A片,情趣用品,A片,情趣用品,A片,情趣用品,a片,情趣用品A片,A片,AV女優,色情,成人,做愛,情色,AIO,視訊聊天室,SEX,聊天室,自拍,AV,情色,成人,情色,aio,sex,成人,情色免費A片,美女視訊,情色交友,免費AV,色情網站,辣妹視訊,美女交友,色情影片,成人影片,成人網站,H漫,18成人,成人圖片,成人漫畫,情色網,日本A片,免費A片下載,性愛情色文學,色情A片,A片下載,色情遊戲,色情影片,色情聊天室,情色電影,免費視訊,免費視訊聊天,免費視訊聊天室,一葉情貼圖片區,情色視訊,免費成人影片,視訊交友,視訊聊天,言情小說,愛情小說,AV片,A漫,AVDVD,情色論壇,視訊美女,AV成人網,成人交友,成人電影,成人貼圖,成人小說,成人文章,成人圖片區,成人遊戲,愛情公寓,情色貼圖,色情小說,情色小說,成人論壇A片,A片,A片下載,做愛,成人電影,.18成人,日本A片,情色小說,情色電影,成人影城,自拍,情色論壇,成人論壇,情色貼圖,情色,免費A片,成人,成人網站,成人圖片,AV女優,成人光碟,色情,色情影片,免費A片下載,SEX,AV,色情網站,本土自拍,性愛,成人影片,情色文學,成人文章,成人圖片區,成人貼圖

rodrfre disse...

Fala Marceleza, Parabéns pelo Blog, achei sem querer, e está me sendo muito útil. SObre os artistas, dá uma olhada nesse aqui tambem, talvez já conheça.

http://rapidshare.com/files/290690211/Mississippi_Fred_McDOWELL_-_This_Ain_t_No_Rock__N_Roll__1968-1969__REPOST_.rar

Um grande abraço